Consórcio Emsa-Sito vai retomar primeira etapa de obras do Eixo Norte do Projeto São Francisco | Infraestrutura Urbana

Saneamento

Notícias

Consórcio Emsa-Sito vai retomar primeira etapa de obras do Eixo Norte do Projeto São Francisco

Execução, antes sob responsabilidade da construtora Mendes Junior, deve ser concluída ao custo de R$ 516,84 milhões

Gabrielle Vaz, do Portal PINIweb
24/Abril/2017

O ministro da integração, Helder Barbalho, assinou na última quinta-feira (2) o contrato com o Consórcio Emsa-Sito para a retomada da primeira etapa (1N) de obras do Eixo Norte do Projeto de Integração do rio São Francisco. O trecho tem 140 km de extensão e vai de Cabrobó, no Pernambuco, ao Reservatório de Jati, na cidade de Jati, no Ceará.

Divulgação: Ministério da Integração Nacional

Esta fase do empreendimento estava sob responsabilidade da construtora Mendes Júnior, que anunciou em julho do ano passado incapacidade financeira para cumprir os seus dois contratos assinados. Assim, o Tribunal de Contas da União (TCU) e Advocacia Geral da União (AGU) decidiram pela nova licitação.

O edital da 1N do Eixo Norte foi lançado em novembro do ano passado e recebeu sete ofertas. A Passarelli Ltda, com desconto de 23% dos R$ 574,30 milhões fixados pelo edital como preço máximo, apresentou a menor oferta, seguido pela Marquise S.A. (com desconto de 17,0100%), Emsa Construtora (de 9,8000%), Ferreira Guedes S.A. (9,6200%), S.A. Paulista (5,0001%), Alka Brasil (0,0001%) e Serveng (0,0001%). Apesar da terceira colocação, o Consórcio Emsa-Sito foi declarado vencedor e fará um investimento de R$ 516,84 milhões.

A obra terá como próximo passo a publicação do Extrato de Contrato entre o ministério e o consórcio no Diário Oficial da União e logo após será assinada a Ordem de Serviço. A primeira etapa deve proporcionar que a água chegue ao Ceará até o final do ano, beneficiando também sete milhões de pessoas no Rio Grande do Norte, Pernambuco e Paraíba.

O Eixo Norte é dividido em três fases, sendo que as 2N e 3N já estão em fase de conclusão.

Destaques da Loja Pini
Aplicativos